Portugueses gastaram 4,7 milhões por dia em raspadinhas

Em 2019 a Santa Casa registou 1.718 milhões de euros em vendas brutas com as típicas raspadinhas. De acordo com o ‘Dinheiro Vivo’, esse número indica que os portugueses gastaram em média 4,7 milhões de euros por dia nesta lotaria instantânea. Referem, também, que face a 2018 as vendas cresceram 7,8%, registando agora 51,1% no total de vendas brutas da Santa Casa. A mesma publicação adianta que, em 2019, a Santa Casa distribuiu mais de dois mil milhões de euros em prémios. Quanto ao Placard aponta que no ano passado as vendas atingiram os 634 milhões de euros, mais 20,3% do que no ano anterior. O mesmo não acontece com o Euromilhões que continua, segundo o ‘Dinheiro Vivo’, a perder apostadores portugueses. Em 2019 terá registado 727 milhões de euros em vendas, o que significa uma quebra de 9,7% face a 2018.      

Portugueses gastaram 4,7 milhões por dia em raspadinhas
Em 2019 a Santa Casa registou 1.718 milhões de euros em vendas brutas com as típicas raspadinhas. De acordo com o ‘Dinheiro Vivo’, esse número indica que os portugueses gastaram em média 4,7 milhões de euros por dia nesta lotaria instantânea. Referem, também, que face a 2018 as vendas cresceram 7,8%, registando agora 51,1% no total de vendas brutas da Santa Casa. A mesma publicação adianta que, em 2019, a Santa Casa distribuiu mais de dois mil milhões de euros em prémios. Quanto ao Placard aponta que no ano passado as vendas atingiram os 634 milhões de euros, mais 20,3% do que no ano anterior. O mesmo não acontece com o Euromilhões que continua, segundo o ‘Dinheiro Vivo’, a perder apostadores portugueses. Em 2019 terá registado 727 milhões de euros em vendas, o que significa uma quebra de 9,7% face a 2018.