PSD/Congresso: Rui Rio aplaudido de pé no encerramento dos trabalhos

O presidente do PSD, Rui Rio, foi hoje aplaudido de pé quando entrou para a sala do Centro Cultural de Viana do Castelo onde decorreu o 38º Congresso do partido. Ao contrário do que tinha sucedido nos dois dias anteriores, o líder social-democrata...

PSD/Congresso: Rui Rio aplaudido de pé no encerramento dos trabalhos
O presidente do PSD, Rui Rio, foi hoje aplaudido de pé quando entrou para a sala do Centro Cultural de Viana do Castelo onde decorreu o 38º Congresso do partido. Ao contrário do que tinha sucedido nos dois dias anteriores, o líder social-democrata atravessou a sala de uma ponta à outra, rodeado de câmaras de televisão e perante os aplausos da maioria dos cerca de mil delegados. Ao som do hino do PSD, Rio subiu ao palco para ser consagrado como líder do partido, já depois de serem conhecidos os resultados das votações para a Comissão Política Nacional, onde a sua lista foi eleita com 62,4% dos votos. Entre os dirigentes mais aplaudidos ao subirem ao palco estiveram o novo presidente do Conselho Nacional, Paulo Rangel, talvez o mais aplaudido de todos, bem como os vice-presidentes Salvador Malheiro e André Coelho Lima e o secretário-geral, José Silvano. A lista da direção de Rui Rio ao Conselho Nacional elegeu 21 dos 70 membros deste órgão, enquanto a lista de Paulo Cunha, apoiada por Luís Montenegro, conseguiu 16. O 38.º Congresso Nacional do PSD terminou hoje no Centro Cultural de Viana do Castelo após três dias de trabalhos.