PSP recebe doação de 750 viseiras de proteção individual

O Comando Regional da PSP informa, em comunicado, que no dia de hoje recebeu a doação de 750 viseiras de proteção individual para utilização do seu efetivo operacional, oferecidas pela empresa ‘Loja Susana’, localizada na Avenida Luís Camões Loja 7/8 – S. Martinho – Funchal. “As referidas viseiras, que conferem uma proteção facial integral, foram produzidas por uma empresa nacional e apresentam índices de muito boa qualidade em termos de fabrico, estando inclusivamente certificadas pela ASAE”, refere a nota da PSP enviada às redações. O Comando Regional procederá agora à distribuição a todo o seu efetivo destes equipamentos de proteção individual, os quais constituem um importante reforço em termos de prevenção e proteção de todos os profissionais da PSP, no âmbito da crise pandémica em curso. Note-se que a PSP foi a primeira instituição pública a distribuir e utilizar viseiras de proteção facial, fora do âmbito hospitalar e de forma generalizada, como forma de proteger os seus profissionais. O Comando Regional da Madeira, “continua igualmente desde o início da crise pandémica, a ser um dos poucos Comandos do país onde ainda não houve qualquer registo de infetados por COVID-19 no seu efetivo”, remata a referida nota.    

PSP recebe doação de 750 viseiras de proteção individual
O Comando Regional da PSP informa, em comunicado, que no dia de hoje recebeu a doação de 750 viseiras de proteção individual para utilização do seu efetivo operacional, oferecidas pela empresa ‘Loja Susana’, localizada na Avenida Luís Camões Loja 7/8 – S. Martinho – Funchal. “As referidas viseiras, que conferem uma proteção facial integral, foram produzidas por uma empresa nacional e apresentam índices de muito boa qualidade em termos de fabrico, estando inclusivamente certificadas pela ASAE”, refere a nota da PSP enviada às redações. O Comando Regional procederá agora à distribuição a todo o seu efetivo destes equipamentos de proteção individual, os quais constituem um importante reforço em termos de prevenção e proteção de todos os profissionais da PSP, no âmbito da crise pandémica em curso. Note-se que a PSP foi a primeira instituição pública a distribuir e utilizar viseiras de proteção facial, fora do âmbito hospitalar e de forma generalizada, como forma de proteger os seus profissionais. O Comando Regional da Madeira, “continua igualmente desde o início da crise pandémica, a ser um dos poucos Comandos do país onde ainda não houve qualquer registo de infetados por COVID-19 no seu efetivo”, remata a referida nota.