Raul José diz que foi “sugestão” de Bruno de Carvalho alterar hora do treino

Raul José disse hoje em tribunal que foi “sugestão” de Bruno de Carvalho a alteração do treino de manhã para a tarde de 15 de maio de 2018, após o ex-presidente do clube despedir “informalmente” a equipa técnica. O antigo treinador adjunto...

Raul José diz que foi “sugestão” de Bruno de Carvalho alterar hora do treino
Raul José disse hoje em tribunal que foi “sugestão” de Bruno de Carvalho a alteração do treino de manhã para a tarde de 15 de maio de 2018, após o ex-presidente do clube despedir “informalmente” a equipa técnica. O antigo treinador adjunto do Sporting, que está a ser ouvido na nona sessão do julgamento da invasão à academia ‘leonina’, em 15 de maio de 2018, no Tribunal de Monsanto, em Lisboa, explicou ao coletivo de juízes que a equipa técnica, liderada pelo então treinador Jorge Jesus, reuniu na tarde de 14 de maio de 2018 com Bruno de Carvalho, Rui Caeiro e Carlos Vieira, à data, administradores da SAD. Na reunião, que começou pelas 15:00 e terminou cerca das 17:00, no auditório do Estádio José Alvalade, Raul José afirmou que Bruno de Carvalho comunicou aos quatro elementos da equipa técnica que “era o fim da linha” e que “não contava mais” com eles, tendo saído “com a noção de que já não eram os treinadores” do Sporting. O antigo adjunto de Jorge Jesus entendeu que tinham sido “despedidos informalmente”, pois mão havia nenhum documento oficial ou nota de culpa. Raul José contou que foi nessa reunião que Bruno de Carvalho “sugeriu” que fosse alterada a hora do treino do dia seguinte, para que o departamento jurídico do clube tivesse tempo de elaborar e notificar os quatro elementos da nota de culpa, o que foi aceite pela equipa técnica composta por Jorge Jesus, Raul José, Miguel Quaresma e Márcio Sampaio.