Santa Cruz aumenta apoio a Bolsas de Estudo

A Câmara Municipal de Santa Cruz aprovou, na reunião camarária de hoje, o reforço financeiro para as bolsas de estudo, que permitirá que as mesmas cheguem e mais 34 alunos. Os novos contemplados foram selecionados de forma a serem apoiadas famílias afetadas pelos efeitos da pandemia da COVID-19, ou seja agregados familiares em Lay-off ou que perderaram o emprego Refira-se que estes 34 alunos, juntam-se aos 432 que já haviam sido contemplados na primeira fase, totalizando 497 alunos com bolsas de estudo da autarquia. O ano passado tinham sido contemplados 470. Na reunião de hoje, foi também aprovada a abertura do período de discussão do processo de alteração do Fundo de Emergência Social. Uma alteração que pretende adaptar este instrumento de apoio a situações de emergência, pandemia ou catástrofes, permitindo uma maior celeridade e uma maior fluidez de ação em situações de calamidade.  Aprovadas foram também a cedência dos campos de Padel à Junta de Freguesia do Caniço, que irá explorar aquele espaço de lazer para a população até ao final do corrente mandato, e a aceitação de donativos por parte de dois empresários para a ajuda a famílias em dificuldade em virtude da COVID- 19. Em causa está um empresário do concelho que preferiu manter o anonimato, e que doou 10 mil euros, e um outro donativo de cinco mil euros enviado pelo amigrante em Londres, natural da Fonte dos Almocreves, Adriano Viveiros.  Os vereadores aprovaram, ainda, um voto de louvor ao grupo SOS Camacha Covid-19, que liderou uma iniciativa popular que totalizou a entrega de 2782 refeições durante quase três meses a famílias atingidas pela pandemia. 

Santa Cruz aumenta apoio a Bolsas de Estudo
A Câmara Municipal de Santa Cruz aprovou, na reunião camarária de hoje, o reforço financeiro para as bolsas de estudo, que permitirá que as mesmas cheguem e mais 34 alunos. Os novos contemplados foram selecionados de forma a serem apoiadas famílias afetadas pelos efeitos da pandemia da COVID-19, ou seja agregados familiares em Lay-off ou que perderaram o emprego Refira-se que estes 34 alunos, juntam-se aos 432 que já haviam sido contemplados na primeira fase, totalizando 497 alunos com bolsas de estudo da autarquia. O ano passado tinham sido contemplados 470. Na reunião de hoje, foi também aprovada a abertura do período de discussão do processo de alteração do Fundo de Emergência Social. Uma alteração que pretende adaptar este instrumento de apoio a situações de emergência, pandemia ou catástrofes, permitindo uma maior celeridade e uma maior fluidez de ação em situações de calamidade.  Aprovadas foram também a cedência dos campos de Padel à Junta de Freguesia do Caniço, que irá explorar aquele espaço de lazer para a população até ao final do corrente mandato, e a aceitação de donativos por parte de dois empresários para a ajuda a famílias em dificuldade em virtude da COVID- 19. Em causa está um empresário do concelho que preferiu manter o anonimato, e que doou 10 mil euros, e um outro donativo de cinco mil euros enviado pelo amigrante em Londres, natural da Fonte dos Almocreves, Adriano Viveiros.  Os vereadores aprovaram, ainda, um voto de louvor ao grupo SOS Camacha Covid-19, que liderou uma iniciativa popular que totalizou a entrega de 2782 refeições durante quase três meses a famílias atingidas pela pandemia.