Santana aplica mais de 20 mil euros na preparação da época balnear

A Câmara Municipal de Santana iniciou os trabalhos de preparação para mais uma época balnear. Tanto o complexo balnear do Faial como o de São Jorge foram alvo de  desassoreamento para possibilitar que a lagoa de São Jorge e a zona de banhos do Faial, estejam em condições para os banhistas. Em São Jorge, a autarquia restaurou o pequeno bar junto à lagoa que, posteriormente, será arrendado através de uma hasta pública. Refira-se que o complexo balnear do Faial, é candidato, pelo 17.º ano consecutivo, ao galardão Bandeira Azul. São assumidas também as despesas com a contratação de uma plataforma elevatória para apoio ao desbaste de palmeiras, sinalizando também todo o complexo tendo em conta as recomendações, no âmbito da covid-19, estando também em curso a contratação de nadadores salvadores.  O investimento total da autarquia nesta fase de preparação para a época balnear ascenderá a mais de 20 mil euros mas que o vereador com o pelouro dos equipamentos - Gabriel Faria, considera "importantíssimo na dinamização económica em época de verão. Ainda para mais, sendo a Foz da Ribeira do Faial, Bandeira azul, Praia Acessível e Qualidade de ouro.  "Os locais e visitantes terão acesso gratuito a um espaço aprazível e seguro. Água balnear excelente, boas acessibilidades, com vigilância, e em cumprimento com as novas regras”, considera. Gabriel Faria não hesita em fazer o reparo à necessidade urgente em relação à qualidade das águas do Calhau de São Jorge. Na opinião do autarca, a Secretaria Regional do Ambiente e a ARM devem ponderar investir numa estação de tratamento de águas residuais que, a montante, solucione um problema de há muitos anos.  Termina dizendo que, "é uma pena termos a única lagoa de água doce na orla costeira madeirense, localizada num sítio com uma beleza natural fantástica, onde a Câmara investe na limpeza da lagoa e depois, de vez em quando, somos obrigados a colocar um aviso de Água está imprópria para banhos”.

Santana aplica mais de 20 mil euros na preparação da época balnear
A Câmara Municipal de Santana iniciou os trabalhos de preparação para mais uma época balnear. Tanto o complexo balnear do Faial como o de São Jorge foram alvo de  desassoreamento para possibilitar que a lagoa de São Jorge e a zona de banhos do Faial, estejam em condições para os banhistas. Em São Jorge, a autarquia restaurou o pequeno bar junto à lagoa que, posteriormente, será arrendado através de uma hasta pública. Refira-se que o complexo balnear do Faial, é candidato, pelo 17.º ano consecutivo, ao galardão Bandeira Azul. São assumidas também as despesas com a contratação de uma plataforma elevatória para apoio ao desbaste de palmeiras, sinalizando também todo o complexo tendo em conta as recomendações, no âmbito da covid-19, estando também em curso a contratação de nadadores salvadores.  O investimento total da autarquia nesta fase de preparação para a época balnear ascenderá a mais de 20 mil euros mas que o vereador com o pelouro dos equipamentos - Gabriel Faria, considera "importantíssimo na dinamização económica em época de verão. Ainda para mais, sendo a Foz da Ribeira do Faial, Bandeira azul, Praia Acessível e Qualidade de ouro.  "Os locais e visitantes terão acesso gratuito a um espaço aprazível e seguro. Água balnear excelente, boas acessibilidades, com vigilância, e em cumprimento com as novas regras”, considera. Gabriel Faria não hesita em fazer o reparo à necessidade urgente em relação à qualidade das águas do Calhau de São Jorge. Na opinião do autarca, a Secretaria Regional do Ambiente e a ARM devem ponderar investir numa estação de tratamento de águas residuais que, a montante, solucione um problema de há muitos anos.  Termina dizendo que, "é uma pena termos a única lagoa de água doce na orla costeira madeirense, localizada num sítio com uma beleza natural fantástica, onde a Câmara investe na limpeza da lagoa e depois, de vez em quando, somos obrigados a colocar um aviso de Água está imprópria para banhos”.