“Seguramos 26 mil postos de trabalho”, diz Rui Barreto

No âmbito da análise da situação epidemiológica na Região, Lopes da Fonseca representa o CDS no debate. O líder parlamentar do partido dissecou os números aplicados na Madeira, mormente em matéria económica, insistindo que “da República não chegou nada”. “Um conjunto de medidas que a oposição nesta casa ainda não reconheceu que foram importantes para a manutenção de emprego”, clamou Lopes das Fonseca, que ressalvou que o JPP o reconhece. Na complementação, Rui Barreto enumerou a diversidade de apoios, relevou a importância das medidas para “segurar 26.000 postos de trabalho”, assegurando que “o Governo está lado a lado com os empresários e sempre a defender o emprego”. O secretário regional da Economia lamentou que “estivemos três meses à espera de um aval, que num chegou, para os 458 milhões de euros, e se tivesse havido esse aval, poderíamos ter feito muito mais”.

“Seguramos 26 mil postos de trabalho”, diz Rui Barreto
No âmbito da análise da situação epidemiológica na Região, Lopes da Fonseca representa o CDS no debate. O líder parlamentar do partido dissecou os números aplicados na Madeira, mormente em matéria económica, insistindo que “da República não chegou nada”. “Um conjunto de medidas que a oposição nesta casa ainda não reconheceu que foram importantes para a manutenção de emprego”, clamou Lopes das Fonseca, que ressalvou que o JPP o reconhece. Na complementação, Rui Barreto enumerou a diversidade de apoios, relevou a importância das medidas para “segurar 26.000 postos de trabalho”, assegurando que “o Governo está lado a lado com os empresários e sempre a defender o emprego”. O secretário regional da Economia lamentou que “estivemos três meses à espera de um aval, que num chegou, para os 458 milhões de euros, e se tivesse havido esse aval, poderíamos ter feito muito mais”.