Suspeito de agredir mãe em Leiria fica em prisão preventiva

O Tribunal de Leiria decretou prisão preventiva a um homem suspeito de ter agredido a mãe naquela cidade, anunciou hoje a Procuradoria da República da Comarca de Leiria. O homem, de 41 anos, indiciado da prática do crime de violência doméstica...

Suspeito de agredir mãe em Leiria fica em prisão preventiva
O Tribunal de Leiria decretou prisão preventiva a um homem suspeito de ter agredido a mãe naquela cidade, anunciou hoje a Procuradoria da República da Comarca de Leiria. O homem, de 41 anos, indiciado da prática do crime de violência doméstica agravada, cometido contra a mãe, foi detido pela PSP de Leiria, tendo sido presente ao juiz de instrução, na quarta-feira, que lhe aplicou a medida de coação de prisão preventiva. Segundo o Ministério Público, o arguido, "que é consumidor de produtos estupefacientes e ingere bebidas alcoólicas em excesso", "molestou física, verbal e psicologicamente a vítima, de 66 anos e que padece de várias enfermidades, no interior da residência comum, no concelho de Leiria". "Os factos foram cometidos a partir de setembro de 2019, em crescendo de agressividade, tendo o arguido proferido insultos e ameaças de morte contra a mãe, para além de lhe ter cuspido na cara e desferido um murro e uma bofetada, em duas ocasiões distintas", refere a nota do MP. A mesma fonte revela ainda que o arguido já foi condenado pela prática de vários crimes, designadamente de violência doméstica, contra a mesma vítima, por sentença transitada em julgado em dezembro de 2019. A investigação é dirigida pelo Ministério Público da 2.ª Secção do Departamento de Investigação e Ação Penal de Leiria, com a coadjuvação da PSP de Leiria.