Suspeito de matar companheira com três tiros de caçadeira em Braga fica em prisão preventiva

Um homem de 59 anos foi hoje detido em Braga por suspeita de ter morto a mulher a tiro, aguardando agora julgamento em prisão preventiva, informou hoje a Polícia Judiciária, que agiu em conjunto com a GNR. A detenção foi levada a cabo pelo...

Suspeito de matar companheira com três tiros de caçadeira em Braga fica em prisão preventiva
Um homem de 59 anos foi hoje detido em Braga por suspeita de ter morto a mulher a tiro, aguardando agora julgamento em prisão preventiva, informou hoje a Polícia Judiciária, que agiu em conjunto com a GNR. A detenção foi levada a cabo pelo Departamento de Investigação Criminal de Braga da PJ, “com a colaboração da GNR de Braga”, destacam em comunicado, tendo detido o pedreiro durante a madrugada de hoje. O homem é suspeito “de ter disparado três tiros de caçadeira sobre a esposa, provocando-lhe a morte”. Foi presente às autoridades competentes e vai aguardar julgamento em prisão preventiva, suspeito de homicídio qualificado inserido “num quadro de violência conjugal”.